• DePropósito Comunicação

Dia Nacional do Voluntariado: solidariedade exige preparação


Capacitar pessoas solidárias para que se tornem agentes de transformação. Esta é a proposta da ONG Nariz Solidário, que leva a arte da palhaçaria para ambientes de atenção à saúde. Neste domingo, 28 de agosto, é marcado o Dia Nacional do Voluntariado.


Diferentemente do trabalho voluntário tradicional, que demanda apenas tempo e disponibilidade, os participantes do Nariz Solidário passam por um processo de capacitação, com um ano de duração. Devido à baixa rotatividade, o grupo abre novas vagas a cada dois anos. Após uma análise de perfil e um encontro presencial, acontece a primeira seleção. Já o treinamento é feito em etapas e aborda: questões emocionais do voluntário, contextos institucionais do terceiro setor e, depois, passa para as técnicas de palhaçaria.


“A palhaçaria precisa estar preparada para enfrentar um ambiente que tem certa fragilidade. O ambiente do hospital exige uma escuta, um cuidado especial. É um trabalho bonito que exige atenção e delicadeza. Mesmo levando a alegria, é preciso pedir licença para o paciente, para a família ou para o profissional da saúde antes de entrar”, afirma Antonio Junior Vieira, voluntário que dá vida ao Palhaço Antvin desde 2017.


Próximo ao fim do treinamento, já com o olhar mais amadurecido, os participantes acompanham as visitas de membros mais experientes antes de irem sozinhos. A voluntária Susane Dias começou o treinamento em janeiro deste ano. “O treinamento tem sido uma experiência de autoconhecimento. Eu consigo me reconhecer e tudo isso reflete positivamente no meu relacionamento comigo mesma e com as pessoas de fora”, afirma.


Para o diretor do Nariz Solidário, Eduardo Roosevelt, um dos objetivos na preparação é garantir um desenvolvimento sólido do voluntário. “Os treinamentos criam um raciocínio cidadão. Vai muito além da técnica artística. O indivíduo precisa ter técnica, mas saber como lidar com o ambiente de saúde que é emocionalmente insalubre”, destaca.


A ONG tem previsão de abrir um novo processo seletivo em 2023. Até lá, é possível fazer o cadastro no banco de voluntários do grupo: narizsolidário.org/processo2023.


Sobre o Nariz Solidário:

O Nariz Solidário é uma ONG em atuação desde 2014 nos ambientes de saúde de Curitiba e da região metropolitana. Desde então, o grupo já impactou mais de 100 mil pessoas em cerca de 800 ações artísticas. Os voluntários atuam como agentes de transformação e catalisadores de processos terapêuticos de cura, autoconhecimento e humanização, a partir da promoção da cultura e da arte do palhaço.



Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square