Primeira websérie produzida apenas por pessoas trans e travestis é lançada


O projeto idealizado por Ravi Spreizner, transmasculino não-binário, é o primeiro documentário produzido 100% com pessoas trans e travestis


Estreou hoje a websérie "Transdemia", primeiro curta-documental do mundo que conta com equipe e elenco 100% de pessoas trans e travestis, que usaram apenas o celular como ferramenta. A série foi idealizada pelo ativista trans Ravi Spreizner como entrega final do curso gratuito de Produção de Documentários com o Celular, ofertado pela Afronta Digital. "O projeto nasceu da dor existente da falta de representatividade não somente na frente das telas, mas também no acesso ao trabalho dignificado para pessoas trans e travestis no audiovisual brasileiro", explica Spreizner.


A websérie conta com cinco episódios, que serão lançados semanalmente aos sábados no perfil da Afronta Digital no Instagram. Os episódios foram desenvolvidos pelos alunos: Maria Lucas, Águi Berenice, Theo Alarcin, Caio Coelho, Gabi da Silva Santos, Rafael Carmo, João Hugo Alves, Phelipe Caetano, Enzo Emiliano Souza, Dayanna Louise Santos, Hanna Neri, Dani Arashi Yoshimura, Theo Brandon, Francis de Oliveira, Ariel Kumagai, Sá Pretto e Antonia Moreira.


Sinopse:

“Transdemia é um suspiro profundo de afetos, histórias e estratégias de sobrevivência de pessoas trans e travestis durante a pandemia do coronavírus no Brasil. Nos episódios compartilham seus olhares atrás e à frente de seus celulares.”


Produção: @afrontadigital Projeto acelerado por @todxsbrasil Idealizado por @ravispreizner



Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

© 2020 DePropósito Comunicação de Causas

Rua Martim Afonso, 432 - São Francisco - Curitiba (PR)

  • Instagram - Cinza Círculo
  • Branca ícone do YouTube
  • facebook
  • White LinkedIn Icon

Assessoria de Imprensa Curitiba, Produção de Conteúdo e Consultoria em Comunicação.